blog "o capista"

A Capa de Livro e seus mitos

Qual é a real função de uma capa de livro? Um artigo para esclarecer o verdadeiro papel da capa para o sucesso de qualquer publicação.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A criação da capa de livro envolve alguns mitos. Muita gente pensa que a capa de livro é apenas um elemento estético para embelezar o livro. Outros, pensam que a capa é um elemento estritamente editorial, com a função de apenas representar o conteúdo do livro.

Essas visões simplificam demais o papel da capa no sucesso comercial de uma publicação. Na verdade, a capa tem um valor estético, também tem um valor editorial — mas seu principal valor é comercial.

E, ao contrário do que muitos autores (e até editores) pensam, a capa certamente não tem a função de:

  • resumir visualmente o conteúdo ou a narrativa do livro
  • tentar explicar o conteúdo do livro de alguma maneira
  • antecipar ou informar o que o leitor vai ler no livro

Sim, por incrível que pareça, a capa nada tem a ver com: explicar, resumir, informar, revelar ou esclarecer! Pelo contrário!

A função de uma capa não é entregar respostas ao leitor. É, na verdade, apresentar questões que irão instigar sua curiosidade

O Real Papel da Capa de Livro

A capa, na verdade, tem quatro funções principais:

  1. proteger fisicamente o frágil contéudo de papel;
  2. dar ao livro uma identidade única e diferenciá-lo dos seus principais concorrentes;
  3. agregar valor ao livro, um valor perceptível ao público, justificando no mercado seu preço final;
  4. chamar a atenção do leitor e atiçar sua curiosidade, instigando-o a querer saber mais sobre o livro.

Se reparem bem, essas quatro funções são as mesmas de uma embalagem de produto. Ou seja, a capa de livro desempenha o papel de embalagem para esse produto mais que especial chamado “livro”.

Como “embalagem”, podemos listar outros papéis importantes que a capa desempenha em qualquer publicação:

  • ser o elemento central de toda divulgação comercial do livro;
  • ajudar o leitor a identificar o gênero literário da obra pela linguagem visual;
  • estabelecer uma primeira relação emocional, de confiança, entre a obra e o leitor;
  • antecipar a qualidade do conteúdo pela qualidade visual do projeto visual;

Uma embalagem única!

Para finalizar, é importante ressaltar que, apesar da capa ter as mesmas funções de qualquer embalagem, ela não é uma embalagem qualquer. Além de embalar a invenção única que, simplesmente, revolucionou a transmissão de conhecimento para toda a humanidade, ela tem uma característica especial:

A capa de livro é uma das raras embalagens que é parte do produto. Não é descartável e, em condições normais, permanece conectada ao produto até o seu derradeiro fim.

Ou seja, a capa é uma embalagem que nunca deixa de agregar valor ao produto, além de manter sempre sua conexão emocional com o leitor.

Quer saber mais sobre capa de livro? Então, leia também:

5 dicas para Autores sobre Capas de Livros
O que escrever em uma Capa de Livro?

rubens-lima-capista-9

rubens Lima

Designer gráfico com mais de 20 anos de experiência na criação de livros para tradicionais editoras do mercado. Profissional com centenas de capas publicadas e, por três vezes jurado do Prêmio Jabuti. É também professor de Design Editorial e MBA em Book Publishing (Edição de Livros).

para autores

Seu livro será um sucesso com seus leitores?

Baixe gratuitamente o BOOKCHECK, material especial do programa PUBLICAR PARA VENCER® de Rubens Lima! Com o ele, você saberá se está no caminho certo ou se precisa se planejar melhor para publicar uma obra que vai efetivamente encantar seus leitores!

o livro que está escrevendo vai REALMENTE CONQUISTAR o seu leitor?

Tire essa dúvida agora, baixando gratuitamente o BOOKCHECK, material especial do programa PUBLICAR PARA VENCER® de Rubens Lima! Com o ele, você saberá se está no caminho certo ou se precisa se planejar melhor para publicar uma obra que vai efetivamente encantar seus leitores.